A nota que ele errou


A nota que ele errou

Essa semana, eu e o Pablo fomos para Oxford Street. Está tudo lindo e decorado para o Natal, fizemos compras e jantamos. Na volta para casa pegamos o metro em Piccadilly e, para quem conhece aqui, sabe que essa é uma daquelas estações que sempre tem um músico tocando um instrumento ou cantando e alegrando os segundos que a gente passa por ali.


Eu adoro quando eu tenho a oportunidade de prestigiar alguém fazendo o que ama e, do meu jeitinho, eu sempre tento. Foram raras as vezes que eu tirei dinheiro da carteira, infelizmente.


Dessa vez eu olhei para o músico. Olhei de verdade e ele olhou de volta para mim. Eu sorri e fiz um sinal de "sim" com a cabeça mostrando a minha aprovação pelo trabalho dele. Ele abriu um sorriso e errou a nota que ele deveria ter tocado.


O Pablo brincou e disse que ele ficou confuso por causa da minha beleza - ainda bem que meu marido acha isso - mas a verdade é que eu acho que poucas pessoas olham nos olhos dele. Mesmo aquelas pessoas que dão dinheiro, muitas largam as moedas e continuam seu caminho.


E, talvez, o meu gesto simples, de verdadeiramente apreciar o trabalho dele valeu muito mais do que uma moeda.

#larissavaiano #nota #músico #olhar #fazeroqueama #opoderdagravata