Vou confessar!


Vou confessar!

Vou confessar para você. Eu tinha uma mania muito besta e que até hoje só contei pro meu irmão.


Quando eu pensava muito num assunto eu ficava imaginando como eu faria um post no facebook sobre aquele tema. Imaginava palavra por palavra, pensava nas pessoas que se identificariam, em quantas compartilhariam, as pessoas que eu nunca vi na vida que iriam ler e me mandar mensagens e que eu seria uma daquelas pessoas completamente aleatórias que teriam milhares de compartilhamentos.


E ai, depois de um banho demorado - minhas melhores ideias sempre vem no banho - eu decidi que eu iria escrever. Todos esses textos que eu pensava e idealizava teriam que virar uma realidade. E me determinei a escrever por cinco dias.


O primeiro post foi aquele para a Larissa de 12 anos. E que alegria a minha ver a quantidade de pessoas comentando, curtindo e me mandando mensagens. Foi lindo!


E ainda é! Toda semana eu recebo uma mensagem de alguém elogiando meus textos. Ou me mandando uma foto de batom vermelho dizendo que só falta a gravata!


Todos esses gestos - que você já pode ter feito alguma vez - tem um valor imenso para mim, mesmo que para você isso possa parecer pequeno e insignificante.


Hoje eu vim te agradecer. Agradecer por você dedicar alguns minutos da sua semana para os meus textos, mais outros minutos para comentar e mais um para compartilhar. Obrigada!


Estou entrando de férias e o blog só volta ano que vem! Essa semana vamos receber nossas família aqui em Londres para comemorar o Natal e o Ano Novo. E eu não poderia estar mais feliz!


E depois desse período com o blog eu descobri que eu não preciso ser aquela pessoa aleatória com milhares de compartilhamentos. Porque toda vez que eu abro meu blog eu consigo ver por quantas coisas eu passei, quantas pessoas eu conheci, quantas lições eu aprendi e quantas pessoas próximas e distantes de mim eu consegui tocar!


Bom final de ano para você, porque o meu eu tenho certeza que vai ser incrível!


Vou confessar!

#despedida #confessar #larissavaiano #opoderdagravata #desafios #descobertas #mudança